Judiciário de AL prorroga teletrabalho até 30 de junho

t

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

O TJ/AL e a Corregedoria-Geral da Justiça prorrogaram o regime de teletrabalho no Judiciário estadual até o dia 30 de junho. A medida consta no ato normativo conjunto 14/20, publicado no Diário da Justiça Eletrônico desta terça-feira, 9.

A prorrogação leva em conta o fato de Alagoas ainda apresentar curva crescente da covid-19, tanto no que diz respeito ao número de contaminados quanto ao de mortos.

t

O ato normativo 14/20 prorroga a vigência dos anteriores, também relacionados ao teletrabalho, e respeita o disposto no artigo 37 do Código de Organização Judiciária, que trata do recesso forense.

O atendimento e as audiências presenciais nas unidades judiciárias de Alagoas estão suspensos desde o dia 20 de março, por conta da pandemia. Advogados e jurisdicionados podem entrar em contato com as varas e setores do Tribunal e da Corregedoria por meio dos telefones e e-mails disponibilizados no site do TJ/AL.

Os prazos dos processos eletrônicos foram retomados desde o dia 4 de maio. Já os dos processos físicos seguirão suspensos enquanto durar o regime de teletrabalho. Os advogados podem requerer a suspensão do prazo nos processos em que haja dificuldade ou impossibilidade da prática do ato.

Informações: TJ/AL.

__________

Para que o leitor encontre as notícias jurídicas específicas sobre coronavírus, reunimos todo o material em um site especial, constantemente atualizado. Veja, clique aqui: www.migalhas.com.br/coronavirus 

t




Leia também